Mas você não deixa

Mas você não deixa

Eu queria poder te amar… Cada parte do seu corpo, saborear Desfrutar da companhia de sua alma, Alcançar o desconhecido, com calma Mas você não permite, Estabelece um limite Tem medo de amar e deixar amar Me arrepia quando te escuto falar Quando me chama Quando faz drama Quando aparece sem avisar Mas não posso alimentar O casual, O superficial Se você não deixa, me despreza Vou é amar outro alguém, sem pressa Que permite Que não tem limite Porque é você quem eu queria Mas você não...
Não me entenda errado

Não me entenda errado

Diálogo pra compreensão Quero abrir meu coração Ser entendida E surpreendida Sem fazer um personagem Não gosto dessa abordagem Queria falar e ser compreendida Mesmo que tenha que ser repetitiva Dizer o que sinto, Não achar que eu minto. Emanar palavras pra você E realmente conseguir me ver Por inteira Mensagem...
A ofensa da generalização

A ofensa da generalização

No meu trabalho como feminista, uma das coisas mais irritantes que tenho que encarar é o fato de que os homens não aceitam que eles, por mais gente boa que sejam, também podem agir de forma inadequada, falar coisas sem sentido para nós e deslegitimar nossa dor. O mais comum dos ataques histéricos dos machistas “gente boa” (às vezes esquerdo-macho) é que nós, mulheres, não podemos generalizar quando falamos de homens. “NEM TODO HOMEM FAZ ISSO, portanto sua fala não é válida”. “Generalizar está errado”  “você está errada em generalizar” e todo mimimi de macho oprimido Pois bem. Outro dia eu tive que ler que os caras não achavam adequado as rappers feministas falarem apenas de machismo, sempre cantar sobre como nós, mulheres, somos objetificadas e abusadas, afinal, para esse rapaz, todo mundo já sabia disso, não precisa falar mais sobre isso. Leia o comentário dele: “(…) (A rapper) perde muito tempo falando sobre estes mesmos assuntos, entendeu? Até nas letras agora só tem homem tem que respeitar mulher, mujer não é objeto e tal, como se precisasse dizer isso as pessoas.” Eu também queria que não fosse necessário, porém, na minha vivência – É NECESSÁRIO, sim. Talvez, a novidade PARA ELE seja que a gente sente a falta de respeito na pele, o tempo todo. E por que não “podemos” falar sobre isso? Quando eu disse que sim, precisamos falar sobre isso pois HOMENS EM GERAL ainda nos tratam com falta de respeito, ele deslegitimou todo meu comentário porque eu generalizei. Eu disse: “PRECISAAAAAAAAAAA!!! A gente tá BERRANDO isso!!! Vc ouviu minha letra (a Resistência das Minas)??? É a nossa vivência!!!! Como...
A gente precisa d’a gente

A gente precisa d’a gente

A gente precisa d’a gente Sororidade Uma apoiando o processo da outra A gente precisa d’a gente Conversa por horas Compartilhando experiências A gente precisa d’a gente Porque somos nós as mais conscientes Sobre nossa própria dor A gente precisa d’a gente Porque eles, muitas vezes, Não ouvem nossas necessidades A gente precisa d’a gente Pra mostrar que existe quem se importa Que a gente é linda como é A gente precisa d’a gente Pra nos lembrar Que não precisamos nos comparar Que sentimentos ruins fazem parte Que sentir raiva de homem é normal Que eles estão errados ao nos ferir Que eles podem ter dois carros, mas não dois papos Que nós somos suficientes Que nós somos fortes Que juntas podemos iluminar um mundo inteiro. A gente precisa d’a gente E eles...
Se afasta

Se afasta

Se tem medo de amar Se afasta Se tem medo de mergulhar Nem cola Ter medo de sofrer, Compreensível. Quem não tem? Não vou mudar por ninguém E faça o mesmo por mim Quero me abrir, mergulhar Nas profundezas de um ser Viajar Sem expectativas do que vou encontrar Só explorar e conhecer O amor, diferentes formas Vínculos Famílias Tipos Já sou o Amor, não tenho medo de quem sou. Meu oposto é o medo Sou forte Se tem medo de amar Se...
O amor se vai

O amor se vai

To tentando seguir em frente Esquecer da gente Viver mais leve, Como se deve… Na mente habita um furacão A alma é plena e no coração Doí a distância, mas fica a paz De um romance que não dá mais. A vida passa, sem distração Aprendizado e força na decisão Vivência não é tempo desperdiçado Mas não mereço meu coração despedaçado Na experiência do amor livre Em que se vive, Se entregar é fundamental Mas se fechar se torna fatal Se esconder por trás da dor Pra não viver um novo amor. Amar não é energia perdida Mas eu mereço ser correspondida Gosto da profundidade do Universo Infinitas formas pra escrever o verso Viver um amor completo, não pela metade Mas tem que ter coragem pra viver na intensidade. Mereço mais. Mereço paz. Se tudo se vai, se amar é sofrer Quero ao menos alguém que faça por...
Página 2 de 3312345...102030...Última »