Objetivos pessoais

Objetivos pessoais

Recentemente andei pensando muito sobre objetivos, propósito, profissão e dinheiro. Andei tendo experiências em que esses assuntos estavam envolvidos principalmente por eu estar colocando na rua meus projetos que tenho desenvolvido nos últimos meses, fruto do meu desenvolvimento profissional dos últimos anos. No entanto, esse assunto não aparece apenas quando se trata de realização de projetos, mas em qualquer tipo de objetivo que a gente traça para a vida, para o momento ou situação. O que diferencia uma pessoa que realiza seus sonhos e as que ficam apenas sonhando? Eles foram lá e fizeram. Passaram por cima de qualquer obstáculo e realizaram, simples assim. As pessoas que ficam apenas sonhando desanimam em qualquer obstáculo. Eu posso dizer, por experiência própria, que talvez você tenha desistido porque ou não estava seguro do que queria, ou você tinha padrões mentais que impediam você a alcançar seu sucesso. Você passou por aquilo que você chama de “fracasso” porque achava que aquele objetivo era o certo a ser feito, mas na verdade só estava fazendo pelo dinheiro. Ou pelo status. Ou por alguém. Não havia motivação interna, não havia um valor maior por trás, era um objetivo vazio. Ou não, ou era realmente o sonho da sua vida. Mas se seu objetivo estava alinhado com sua alegria, há muitas chances de que você estava se autosabotando, utilizando mecanismos de defesa para se manter numa zona de conforto. Seu cérebro usa isso frequentemente quando já se acostuma na situação que está e, mesmo ruim, ainda é mais previsível. O que te bloqueou de alcançar seu objetivo no processo? Talvez a ideia que você não era bom suficiente para realizar...
Página 1 de 11